A urgência da Educação

Não há mais segurança, mais saúde, mais emprego, mais cultura, mais ciência, mais diversidade se não tivermos mais Educação.

Por Opinião

Fonte: HUFFPOST (https://www.huffpostbrasil.com)

Publicado em 25/09/2018

Às vésperas de mais uma eleição, muito se discute sobre segurança e emprego, temas que não saem do noticiário diário em praticamente todos os veículos de comunicação. A Educação, apesar de ter aparecido em algumas questões nos debates televisivos e nas falas dos candidatos, ainda não é tema de discussões estruturantes, que se aprofundem de verdade nos problemas do nossos sistema de ensino.

Ainda não vemos a área educacional como primordial para o desenvolvimento do País em todas as esferas sociais, e nem a enxergamos com a urgência que ela precisa – o que é absurdo se pensarmos que vivemos em um País onde 55% das crianças não sabem ler e escrever aos 8 e 9 anos de idade. Isso significa que metade dos nossos alunos e alunas não estão avançando na trajetória escolar adequadamente, pois não têm as ferramentas necessárias para aprenderem os conteúdos das séries seguintes.

Clique aqui para ler a matéria completa

Voltar
>