Doce de leite - entre o Brasil e a Argentina

A invenção desta iguaria é pleiteada até hoje pelos dois países; mas em ambos os casos, esta mistura de leite com açúcar terias surgido por um acidente na cozinha

Por Mie Francine Chiba

Fonte: culinária.terra.com.br; jornaltudobh.com.br

Publicado em 04/10/2017

A autoria do doce de leite remete à já antiga rixa dos brasileiros contra argentinos. Até hoje, os inimigos do campo de futebol também disputam título de criador do doce. Um jornal de Minas Gerais diz que, assim há dois possíveis criadores da iguaria, há duas histórias diferentes invenção.

A versão argentina conta que, em 1829, o governador Manuel de Rosas assinar um tratado de paz com o seu inimigo político, Juan Lavalle. encontro foi marcado na casa de Rosas em uma cidade da província Buenos Aires. Lavalle chegou antes e foi descansar até que o governador chegasse. Quando a criada viu o inimigo deitado na cama do patrão, chamar o guarda e esqueceu leite com açúcar no fogo.

A versão brasileira tem como protagonista um escravo. Na época da escravidão, era comum ferver sobras de leite com açúcar para manter alimento conservado. Um dia um escravo fugiu deixando a mistura fogo, que teria se tornado uma pasta muito saborosa. Mas em ambos os casos, o doce de leite teria surgido do “esquecimento” de alguém.

A mistura hoje leva, além de leite e açúcar, o bicarbonato de sódio. Uma reportagem do portal Terra conta ainda que, além de argentinos e brasileiros, Uruguai também pleiteia para si a autoria do doce.

A “fixação” pela iguaria seria tanta que o Mercosul, grupo de países formado por Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, elaboraram em 1996 um regulamento técnico que determina critérios para a fabricação do verdadeiro doce de leite. Este teria de ter redução de acidez de 17 para 13 graus Dornic (unidade de medida para a acidez do leite) e cor “castanho caramelado” - nem muito clara, nem muito escura.

Quem vai à argentina não pode deixar de provar os famosos alfajores recheados com a iguaria. E por aqui, quem visita Minas Gerais não volta para casa sem experimentar o famoso doce de leite mineiro – acompanhado ou não do queijo mineiro, mas esta é outra história.

O que importa dizer é que tanto o brasileiro quanto o argentino levam a melhor nisso tudo. Em qualquer um dos seus países natais há uma boa receita de leite para degustar. Quer aprender a fazer em casa? Então siga as receitas abaixo.

Doce de leite pastoso:

https://www.youtube.com/watch?v=C77dysz4xqM

 

Doce de leite na panela de pressão:

https://www.youtube.com/watch?v=DvikbPiIQ78

Voltar
>